quarta-feira, 18 de abril de 2018

Após cobiçar Icatu, XP iniciará seguradora do zero

Fonte: Estadão

Pedido da corretora para constituir sua própria seguradora já teria sido feito junto à Susep

A XP Investimentos, sob o comando de Guilherme Benchimol, está montando uma seguradora do zero. Depois de não conseguir se aliar à carioca Icatu Seguros, controlada pela família Almeida Braga, a corretora decidiu seguir vida solo. O pedido para constituir sua própria seguradora, inclusive, já teria sido feito junto à Superintendência de Seguros Privados (Susep).

Tique-taque

A ofensiva da XP em seguros ocorre enquanto aguarda o aval do Banco Central para a venda de 50% da corretora para o Itaú Unibanco. Como a investida no novo ramo se dá após o anúncio do negócio, em maio do ano passado, deve passar ilesa aos olhos do regulador. O BC tem sido criterioso em avaliar o impacto da união do maior banco da América Latina com a maior corretora independente do mercado, agora ou futuramente, quando o Itaú poderá comprar o controle da XP. Isso será possível apenas a partir de 2033.

Sem pressa

Apesar de o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) ter exigido remédios, mas aprovado o negócio, o BC ainda não se posicionou. Não há, porém, prazo máximo para que a autarquia dê o seu aval ou barre a transação. Procurada, a XP não se manifestou. Icatu e Susep também não comentaram.

0 comentários:

Postar um comentário

Escreva aqui seu comentario